A criatura é o reflexo de seu criador

patricia

Todos nós sabemos que o nosso olhar, nossa visão e até nossa percepção de tudo o que nos cerca são limitados e dependem, sobretudo, da forma como pensamos.

Acredito no ditado que diz que somos aquilo que pensamos, ou seja, somos o que sabemos. Se nosso conhecimento é capaz de mostrar quem realmente somos, então nossas criações, que são frutos de nosso imaginário e conhecimento empírico, também refletem o nosso “eu” interior.

Foi com esse contexto em mente que fui conhecer as criações da escultora australiana Patrícia Picciani, que misturam hiper e surrealismo, em esculturas de tamanho real.

As obras de arte utilizam elementos do mundo real, como expressões faciais e corporais que transmitem emoções mesclados com composições de cores e texturas que imitam a pele humana, os pêlos corporais e até sentimentos, como afeição, carinho e cuidado com o próximo.

Nesse mundo imaginário criado pela artista, os “seres” que habitavam seu inconsciente se materializaram em criaturas amáveis e dóceis, que interagem com os seres humanos, principalmente as crianças. É como se ela estivesse dando um recado para a humanidade através de suas criações: os seres inanimados que nos habitam precisam despertar a criança que existe em nós, para que consigamos ser mais amáveis, mais carinhosos, mais emotivos.

As criaturas demonstram as idéias e percepções de sua criadora: precisamos de um mundo mais afetivo, precisamos de mais aproximação, de mais interação pessoal – já que a virtual parece ter invadido nossas vidas.

A artista consegue dar vida a peças inanimadas, como se as máquinas que invadiram nosso cotidiano também tivessem sentimentos e precisassem tanto de nós como precisamos delas.

Será que ficamos tão dependentes das máquinas e desses seres inanimados que nos coabitam que nem percebemos mais como eles nos controlam? Será que nosso olhar precisa enxergar a “vida” que existe por trás da cortina transparente que nos separa do mundo imaginário ou será que precisamos tornar o mundo um lugar mais imaginativo e leve para se viver e conviver?

assinatura-peq2

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s